sociais

logos

Cresce Brasil

Engenheiro traz nesta edição um leque de discussões das quais a sociedade precisa participar para garantir que o interesse público seja preservado.

Cinco anos atrás, o País enfrentava surpreendente déficit de engenheiros, com empresas recrutando os melhores estudantes de engenharia ainda na sala de aula das faculdades.

Resultado de debates realizados por ocasião da 12ª Jornada Rumo ao Brasil 2022, realizada em São Paulo no dia 10 de agosto pela Confederação Nacional dos Trabalhadores Liberais Universitários Regulamentados (CNTU), foi aprovada ao final do evento, por unanimidade, a Carta aberta “A CNTU e as eleições 2018”.

Editada em 6 de julho último pelo governo federal, a Medida Provisória 844 altera o marco legal do saneamento no Brasil, estabelecido na Lei 11.445/2007, favorecendo a privatização no setor e praticamente eliminando a possibilidade de universalizar os serviços que são fundamentais ao desenvolvimento e à saúde pública.

Pronto para ser votado no Plenário da Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei nº 6.299/2002 – que altera a Lei 7.802/1989, relativa à regulação dos agrotóxicos no Brasil – tem resultado em verdadeira batalha, dentro e fora do Parlamento.

Pará, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina

A partir de 16 de agosto, quando teve início oficialmente a campanha eleitoral deste ano, visando o pleito que acontece em outubro próximo, os usuários da internet puderam notar a multiplicação de posts de diversos candidatos.

Em 2013 o orçamento do então existente Ministério da Ciência e Tecnologia alcançou a cifra de R$ 9 bilhões, recorde para a pasta. Passados cinco anos, a verba disponível despencou consideravelmente: R$ 3,4 bilhões em 2018 e previsão de R$ 3,8 bilhões para 2019.

196Charge196Charge

logoMobile