sociais

logos

Cresce Brasil

Isabela e colegas - OESPIsabela e colegas - OESPUm dispositivo que custa menos de US$ 100 e pode ajudar mulheres na prevenção do câncer de mama: este é o VidaCam, um dos projetos desenvolvidos pelos estudantes da design.tech, escola de ensino médio que fica dentro da sede da Oracle em Redwood City, no meio do Vale do Silício. Por meio de um computador simples, como um Raspberry Pi, e uma câmera capaz de detectar temperaturas diferentes, ele pode ajudar mulheres a fazer o autoexame de forma mais sensível do que pelo toque.

“As células do câncer são mais quentes do que as saudáveis, porque estão constantemente se dividindo e tem maior fluxo sanguíneo”, explica a brasileira Isabela, de 15 anos, que criou o projeto ao lado das colegas Yohanna e Lauren – por serem menores de idade, as três não forneceram seus sobrenomes ao Estado.

Leia reportagem em O Estado de S. Paulo

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

logoMobile